TCE-MG comunica com pesar falecimento da conselheira Adriene Andrade

O Tribunal de Contas do Estado de Minas Gerais comunica com extremo pesar o falecimento da conselheira Adriene Barbosa de Faria Andrade nesta manhã, de 16 de abril, em São Paulo.

Nascida em Boa Esperança, sul de Minas Gerais, em 24 de maio de 1964, Adriene Andrade foi a primeira mulher a ocupar o cargo de conselheira e presidente no TCE mineiro. Foi a primeira prefeita na cidade de Três Pontas e também a primeira mulher a presidir a Associação Mineira de Municípios (AMM).

Foi nomeada conselheira do Tribunal de Contas em 2006, onde exerceu sua missão com distinta competência, dinamismo, gentileza e espírito conciliador.

Adriene era casada com o ex-senador Clésio Soares de Andrade e deixa dois filhos, Diego Barbosa de Faria Brito e Bruna Barbosa de Faria Brito.

O sepultamento será em Boa Esperança. Informações sobre o velório serão divulgadas assim que confirmadas.

Ascom – TCE-MG/ Foto: Karina Camargos Coutinho

Compartilhe!