Contas do Governador de 2019 encaminhadas ao TCE-GO

Caiado e equipe econômica fazem entrega simbólica da prestação de contas ao presidente Celmar Rech

O governo do Estado encaminhou hoje (21/mai) ao Tribunal de Contas do Estado (TCE-GO) a prestação de contas anual do governador, relativa ao exercício de 2019, primeiro ano de mandato de Ronaldo Caiado. A documentação foi enviada pela primeira vez de forma totalmente eletrônica e dentro do prazo acordado com o TCE-GO, em decorrência dos transtornos causados pela pandemia da Covid-19.

Apesar da utilização do novo sistema on-line do Tribunal, o presidente Celmar Rech fez o recebimento simbólico por meio de videoconferência com o governador Ronaldo Caiado e a equipe econômica do governo. O TCE-GO tem prazo de 60 dias para emitir Parecer Prévio sobre as contas, para posterior envio à Assembleia Legislativa a quem cabe o julgamento definitivo. A relatoria das contas de 2019 está a cargo da conselheira Carla Santillo, sorteada para a tarefa.

As contas anuais do governador abrangem a totalidade do exercício financeiro, compreendendo todos os recursos orçamentários e extraorçamentários utilizados, arrecadados, guardados, geridos ou administrados no âmbito da administração pública estadual, contemplando inclusive os demais poderes e órgãos autônomos.

Participaram do encontro virtual, além do conselheiro Celmar Rech e do governador, o presidente da Assembleia Legislativa, Lissauer Vieira, a secretária de Economia, Christiane Schimidt, o controlador-geral do Estado, Henrique Ziller, o secretário adjunto da Economia, Francisco Sérvulo, a subsecretária do Tesouro Estadual, Selene Nunes e o superintendente contábil, Ricardo Borges de Rezende.

Durante a videoconferência, o governador Ronaldo Caiado afirmou que desde o início de seu governo a preocupação tem sido a de ajustar as contas do Estado e para isso tem superado desafios, citando a dificuldade extra surgida este ano, com a disseminação do vírus em proporção planetária.

A secretária Christiane Schimidt parabenizou o TCE-GO pela adoção da recepção digital das contas, “que facilita a troca de informações e evita o erro humano”. Ela explicou que, no balanço apresentado, o governo procurou atender as recomendações do Tribunal e sanar os erros verificados em anos anteriores.

Veja fotos no Flickr do TCE-GO.

 Diretoria de Comunicação Social

Compartilhe!