TCs discutem agenda para o país

O envolvimento do Sistema Tribunais de Contas nas ações pela superação da crise socioeconômica e em prol da retomada do desenvolvimento do Brasil, foi confirmado na manhã desta quarta-feira (6), ao ministro da Casa Civil, Onyx Lorenzoni. O presidente Fábio Nogueira liderou um grupo representantes das Cortes brasileiras, que foram recebidos em audiência na sede do Ministério, para levar essa mensagem ao Governo Federal, demonstrando completa e permanente disponibilidade em discutir uma agenda para o país e contribuir com a governança pública.

Essa agenda passa pelo ajuste fiscal, pelo combate à corrupção e pela máxima efetividade do gasto público. O Ministro da Casa Civil, Onyx Lorenzoni, reconheceu a excelência e a importância dos Tribunais de Contas para o aperfeiçoamento da gestão pública e para o combate à corrupção.

O Sistema Tribunais de Contas, segundo relatou-se ao ministro, vem empenhando esforços substanciais no processo de aprimoramento das Cortes. “Desta maneira, vimos alcançando a efetividade dos procedimentos de fiscalização e controle e produzindo a qualificação da gestão pública; mas é preciso manter a consciência de que esse é um processo inexaurível, salientou Fábio Nogueira”.

O presidente Fábio Nogueira, e demais presentes à audiência com o ministro Lorenzoni, estão na Capital Federal participando do I Fórum do Acordo de Cooperação Técnica da STN/ME com os Tribunais de Contas que, entre outros alcances, trata da harmonização de procedimentos contábeis. “A presença massiva do Sistema no evento é reflexo no nosso compromisso com um Brasil promissor”, disse o presidente.

Além do presidente Fábio Nogueira, Participaram da audiência os conselheiros: Edilson Silva, presidente do TCE-RO; Edilberto Pontes, presidente do TCE-CE; Otávio Lessa, presidente do TCE-AL; Marco Peixoto, corregedor-geral do TCE-RS; e Carlos Ranna de Macedo, ouvidor do TCE-ES.

Release ASCOM ATRICON (06/02/2019)

Compartilhe!