Fórum de Controle propõe pacto pela governança

A implementação de políticas de governança em todo o Brasil. Este é o objetivo precípuo do II Fórum Nacional de Controle, que será realizado pelo Tribunal de Contas da União, em parceria com a Atricon e o IRB, nos próximos dias 21 a 23 de novembro.  Para discutir sobre a programação, o presidente Fábio Nogueira e os conselheiros Gilberto Jales (TCE-RN) e Severiano Costandrade (TCE-TO) mantiveram audiência com o ministro Augusto Nardes (TCU), que coordena o evento.

Serão convidados para o Fórum Nacional de Controle, segundo informou Augusto Nardes, o presidente eleito e equipes representantes dos novos governadores. A ideia é que, ao final, todos assumam um pacto pela governança, sobretudo, em relação às políticas de educação, saúde e segurança. “A Atricon exerce papel fundamental nesse processo”, pontuou o ministro.

O presidente Fábio Nogueira disse que, desde muito, a Atricon assumiu esse protagonismo. “Ao vislumbrar o aperfeiçoamento das próprias ações, o Sistema Tribunais de Contas direciona o olhar para a boa governança dos recursos públicos e a efetivação das políticas públicas”.

Para ressaltar a importância do Fórum nacional de Controle para o futuro do Brasil, o presidente Fábio Nogueira fez referência ao “indispensável recurso da orientação ao gestor público”. E complementou: “A eficiência do controle não dispensa a boa pedagogia, que é indispensável ao êxito das políticas públicas”.

Release – Ascom Atricon, 3 de outubro de 2018.

Compartilhe!