Ferramenta do TCE-PB é destaque Internacional

Turmalina é nome de pedra preciosa e também de um robô fiscal (inteligência artificial) criado pelo Tribunal de Contas da Paraíba, em parceria com as Universidades Federal da Paraíba e de Campina Grande, para analisar cada um dos Portais de Transparência dos órgãos e entidades públicas sob a jurisdição do TCE-PB.  

A ferramenta foi um dos grandes destaques do National Audit Office – Fórum Internacional de Auditoria -, ocorrido em Taiwan, República da China, no último mês de março. A apresentação da Turmalina no evento coube a André Agra, Auditor de Controle Externo do TCE-PB.

Além das capacidades técnicas da ferramenta Turmalina – capaz de avaliar a qualidade das informações referentes a despesas, receitas, contratos, licitações, pessoal, convênios e leis, além da usabilidade de cada Portal da Transparência -, André Agra fez uma demonstração geral acerca do projeto Cidadania Digital, por intermédio do qual o TCE-PB promove e fomenta o exercício do controle social.

O fortalecimento da Governança Pública é outro propósito do espaço Cidadania Digital, inaugurado na gestão do Conselheiro André Carlo Torres Pontes, com inovações já inseridas pelo atual presidente do TCE-PB, conselheiro Arnóbio Viana.

É o caso do programa Voluntários do Controle Externo (Você), que amplia as possibilidades de participação dos cidadãos no controle dos atos e gastos públicos e que também alcançou grande visibilidade no National Audit Office.

Na soma da participação André Agra, que também proferiu uma palestra sobre a Agenda 2030 – Objetivos do Desenvolvimento Sustentável, o Tribunal de Contas do Estado da Paraíba ainda se destacou pela utilização de recursos sustentáveis e formatação de espaços físicos ambientalmente favoráveis.

Presidente – O Conselheiro Arnóbio Viana ressaltou a importância da participação em eventos desse porte. O presidente do TCE-PB disse que a visibilidade que o Controle Externo brasileiro alcança, no âmbito internacional, contribui para o fortalecimento dos Tribunais de Contas e se transforma em uma motivação adicional para que o Sistema permaneça na rota do aperfeiçoamento.

Ridismar Moraes – Ascom

Compartilhe!