Com demandas pelo fortalecimento institucional presidente da Atricon tem agenda em Brasília

Uma intensa agenda de compromissos, relacionados ao processo de aperfeiçoamento e fortalecimento institucional do Sistema Tribunais de Contas, será mantida pelo presidente Fábio Nogueira em Brasília (DF), desde esta quarta-feira (23).

A se iniciar pela participação na solenidade de abertura do Seminário Brasil Mais Simples, promovido pelo Serviço Brasileiro de Apoio às Micro e Pequenas Empresas (Sebrae), com quem a Atricon mantém acordos de cooperação. O evento tem a parceria da Secretaria da Micro e Pequena Empresa e a Receita Federal do Brasil e é uma ação com vistas à simplificação da legislação para a abertura de novas empresas e a promoção de melhorias no ambiente de negócios.

O compromisso seguinte será com o Ministro Raimundo Carreiro, presidente do Tribunal de Contas da União. Na audiência Fábio Nogueira vai apresentar alguns pleitos, como a definição de membros do TCU para projetos do Plano de Gestão (2018-2019) da Atricon. Outra importante demanda diz respeito à análise de viabilidade de implantação de Auditoria Operacional coordenada, a fim de que seja traçado um amplo panorama de cargos e funções públicas, não previstas no art.37, inciso XXIV, da Constituição Federal.

Em momento posterior, o presidente Fábio Nogueira receberá, Petrus Elesbão, presidente do Sindilegis, com quem discutirá parceria para incrementar o clube de benefícios destinados aos membros associados da Atricon.  Em seguida, está programada uma visita ao Sindicato da Indústria da Construção Civil do Distrito Federal.

Evento Audicon – neste dia 24, o presidente Fábio Nogueira participa de um importante evento comemorativo: cem anos de criação do cargo de Ministro Substituto do TCU, promovido pela Associação Nacional dos Ministros e Conselheiros-Substitutos dos Tribunais de Contas, que acontecerá no Instituto Serzedelo Corrêa, a partir das 09h00.

Durante o evento será lançada campanha com o tema “Contas Públicas são da nossa conta”, cujo objetivo é fomentar o controle por parte da sociedade e a transparência da atividade do Poder Público.

Release – Assessoria de Comunicação Atricon, 23/05/2018.

 

 

Compartilhe!